Aconteceu
ComentáriosTamanho da letra:
04 DE FEVEREIRO DE 2011

A HISTÓRIA DA MARATONA

Saiba como a saga de um soldado grego contribuiu para criar a mais tradicional prova do atletismo mundial...

Por: Fausto Fagioli Fonseca

A HISTÓRIA DA MARATONA
Ilustração
Assim como toda lenda, a história da maratona é recheada de curiosidades e fatos extravagantes que, com o tempo, ganharam ainda mais misticismo quanto a sua origem.

Uma das versões mais aceitas em relação ao surgimento da corrida de 42.195 metros remete ao ano de 490 a.C. , quando soldados atenienses marcharam até a Planície de Marathónas para combaterem os persas, na batalha que fazia parte das Guerras Médicas.

Como estavam em um número muito menor, os gregos precisavam de reforços para conseguirem a vitória. Desta forma, o comandante Milcíades resolveu escalar um de seus melhores corredores para cobrir a distância de 40 km, que separava a cidade que estavam de Atenas, e pedir ajuda.

Pheidippides foi o escolhido para a tarefa de percorrer o percurso acidentado até a atual capital grega. Lá chegando, conseguiu reunir cerca de 10 mil soldados, com os quais voltou para o local da batalha.

Após a vitória sobre o poderoso exército persa, Milcíades decidiu mandar novamente seu experiente corredor até Atenas, para passar a boa notícia. Mesmo exausto, Pheidippides correu novamente os cerca de 40 km que separavam as cidade, e, lá chegando, conseguiu apenas dizer uma única palavra antes de cair morto. “Νενικήκαμεν” (Vencemos).

Os 42.195m
No ano de 1896, em homenagem ao herói grego, os organizadores dos primeiros Jogos Olímpicos da Era Moderna decidiram criar a prova, que, a princípio, possuía cerca de 40 km. A distância atual só foi fixada no ano de 1908, nas Olimpíada de Londres, para que a família real britânica pudesse acompanhar o início da prova do jardim do Palácio de Windsor.

A versão de Heródoto
Apesar de a versão citada anteriormente ser a adotada pelo Comitê Olímpico, uma outra versão é tida como mais factível, já que se baseia em relatos do historiador grego Heródoto, nascido no ano de 484 a.C.

Ele conta que, na verdade, Pheidippides foi até Esparta pedir ajuda para vencer os persas, distante cerca de 233 km. Porém, lá chegando, após dois dias, ouviu como resposta ao seu apelo um não, já que os espartanos estavam em pleno festival de Artemis.

Sem a ajuda esperada, o herói voltou para o local da batalha, para levar a má notícia aos seus comandantes, que decidiram então adotar uma nova estratégia de batalha.

Um ataque surpresa foi organizado pelos atenienses aos persas, que se encontravam a cerca de 40 km de onde estavam acampados. Em uma longa batalha, mesmo em minoria, os gregos conseguiram a vitória, o que surpreendeu os cerca de 2 mil espartanos que chegaram depois para o auxílio.

Cada vez mais rápida
Veja a evolução do recorde mundial da maratona a partir de 1947:
  • Suh Yun-bok (Coréia do Sul) - 2h25min39s - Boston 19/4/47
  • Jim Peters (Grã-Bretanha) – 2h20min43s - Londres 14/6/52
  • Jim Peters (Grã-Bretanha) – 2h18min41s - Londres 13/6/53
  • Jim Peters (Grã-Bretanha) – 2h18min35s - Finlândia 4/10/53
  • Jim Peters (Grã-Bretanha) – 2h17min40s - Londres 26/6/54
  • Sergei Popov (União Soviética) – 2h15min17s - Estocolmo 24/8/58
  • Abebe Bikila (Etiópia) – 2h15min17s - Roma 10/9/60
  • Toru Terasawa (Japão) – 2h15min16s - Japão 17/2/63
  • Buddy Edelen (Estados Unidos) – 2h14min28s – Londres 15/6/63
  • Basil Heatley (Grã-Bretanha) – 2h13min55s - Londres 13/6/64
  • Abebe Bikila (Etiópia) – 2h12min12s – Tóquio 21/10/64
  • Morio Shigematsu (Japão) – 2h12min00s – Londres 12/6/65
  • Derek Clayton (Austrália) – 2h09min37s – Japão 3/12/67
  • Derek Clayton (Austrália) – 2h08min34s - Bélgica 30/5/69
  • Rob de Castella (Austrália) – 2h08min18s - Japão 6/12/81
  • Steve Jones (Grã-Bretanha) – 2h08min05s - Chicago 21/10/84
  • Carlos Lopes (Portugal) – 2h07min12s - Roterdã 20/4/85
  • Belayneh Dinsamo (Etiópia) – 2h06min50s - Roterdã 17/4/88
  • Ronaldo da Costa (Brasil) – 2h06min05s - Berlim 20/9/98
  • Khalid Khannouchi (Estados Unidos) – 2h05min42s - Chicago 24/10/99
  • Khalid Khannouchi (Estados Unidos) – 2h05min38s - Londres 14/4/02
  • Paul Tergat (Quênia) – 2h04min55s - Berlim 28h9min03s
  • Haile Gebrselassie (Etiópia) – 2h04min26s – Berlim 30/9/07
  • Haile Gebrselassie (Etiópia) – 2h03min59s – Berlim 28/9/08
Vídeo: HISTÓRIA DA MARATONA - ESPN Brasil (Duração 2m:22s)
NOTÍCIAS ANTERIORES
Assessocor
Venha correr conosco
Preencha os campos a seguir
e saiba como fazer parte de nossa equipe...

Ex. 65,5
Ex. 1,62

Voltar ao Topo
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Seu nome
Comentário:
Seu e-mail:
Enviar para: